segunda-feira, 23 de maio de 2011

Home Studio

  Oi gente! O post hoje é sobre Home Studio. Home Stúdio é o começo de tudo, é a base da boa produção, é o alicerçe pra que quer se enveradar por esse mundo de várias possibilidades producionísticas (sim, eu sei que não existe essa palavra). Se você quer ser produtor algum dia na vida (e entenda como produtor músico, locutor ou técnico de áudio que queira ser o responsável pela gravação, mixagem e masterização de um trabalho de áudio) você precisa passar pela experiência de ter um estúdio em casa. É claro que depois que você já for um expert no assunto, você não vai precisar se desfazer de seu home studio, aliás nem vai querer! O home estudio é a forma mais simples e confortável de colocar suas idéias de produção em prática, utilizando-se do conforto do seu lar para criar e amadurecer idéias de áudio.

Mas, o que é o home studio? Quais equipamentos preciso ter para montar o meu?

Existem milhares de combinações de equipamentos para se montar um Home Studio, desde a forma mais simples, para pequenas produções, até as mais sofisticadas, que podem muito bem produzir, por completo, trabalhos musicais e de áudio em geral. Obviamente que existem produtores ricos que constróem em sua casas mega estúdios, que já não podem ser considerados Home Studio, pelo simples fato de estar dentro de uma residência né?

 Veja aqui um esqueminha de tipos de home studio que eu achei na net:




 SETUP SIMPLES





 O básico do básico seria uma placa de áudio conectada via USB a um computador. Como periférico de saída, apenas um fone de ouvido. O instrumento musical ou o microfone são ligados na placa. Essa é a forma mais simples, não significando que a qualidade da produção seja ruim. Dependendo da qualidade do instrumento e do software de áudio, por exemplo, podemos conseguir uma produção perfeita, lembrando também da necessidade de se ter um ambiente que valoriza o isolamento acústico.




SETUP BÁSICO




Aqui já temos uma configuração mais variada. Uma placa de audio com duas entradas amplificadas para microfones condensadores profissionais e instrumentos, saída para headphones e monitores de referência. Temos também um controlador USB (teclado) bastante utilizado em arranjos mais simples. Em um home studio como esse, já da pra produzir spost, vinhetas, jingles e trilhas, além de pré-produzir músicas com uma qualidade boa. Vale lembrar que uma das grandes diferenças são os softwares de produção e de gravação, que estruturam todo o processo de produção, e a acústica do ambiente para a captação de áudio via microfone.




 SETUP AVANÇADO



 



Aqui já temos uma quantidade maior de periféricos de entrada e de saída, monitores de referência mais sofisticados e mais instrumentos e players USB. É claro que não estamos aqui apresentado verdade absoluta em conceito de simples, básicos e avançados. Aqui faltaram compressores, crossovers , equalizadores, mesas digitias, enfim, não existe um padrão.Cada um escolhe seu equipamento de acordo com suas necessidades e condições.




Vejamos agora algumas fotos de Home Studios:
Aqui temos um sistema bem simples! Teclado semi-profissional, um mini controlador em cima do hack, um mixer de áudio pequeno e pequenos monitores de referência. Tudo bem simples. Mesmo assim tem gente que consegue fazer muita coisa com tão pouco.




Aqui já temos um sistema mais elaborado, uma placa M-Audio, um microfone condensador profissional, monitores profissionais e um controlador de 02 oitavas. Produção de jingles, spots, vinhetas, pequenas trilhas podem ser executadas tranquilamente em um estúdio como esse.









Esse daí pode ser considerado um home de médio porte. É meu sonho de consumo. Montado provavelmente em um quarto de apartamento, esse estudio é equipado com um desktop Mac, monitores profissionais de pequeno, médio e grande porte, pedestal articulado para microfone condensador, uma plataforma DIGI da ProTools, um hack com amplificadores, equalizadores, compressores e afins, placas de isolamento acústico e uma cadeira emocionante de couro, hehehe.






Aqui o esquema já é mais sofisticado. Desconfiei achando que seria um estúdio com sede própria, mas pela entrada da casa à esquerda na foto, parece ser memso um home studio. 2 hacks de periféricos um mega plus advanced console, uma wide screen na parede, vário monitores, mas a cadeira do outro estúdio é mais massa, hehehe!!!







Aqui um home estúdio repleto de instrumentos musicais....






E aqui um antigo home studio, onde a maioria dos equipamentos são analógicos.






É isso ae galera, até o proximo post!


4 comentários:

  1. Grande Juaum! Bom demais seu blog mano, muito me interessa cada detalhe do que tem postado, por enquanto já tenho a estrutura do set up simples, mas a gente vai progredindo, principalmente nos conhecimentos e produções, que é o mais importante. Abraço.

    ResponderExcluir
  2. Valeu Paulinho, mais pra frente eu vou postar o set up dos amigos =D, um abaraço!

    ResponderExcluir
  3. Eu ja consegui um microfone..heheheh

    ResponderExcluir
  4. poo essa idéia é ótima, eu nem sabia onde se conectava os microfones nos stúdios, hehehehehe em fim agora ja sei que são conectados nas interfaces de aúdio, ou nas messas de som, por causa dese ex aii, obrigado aii amigo para quem colokou essa foto aii sobre home stúdio eu ja tenho o notebook, e o microfone dinamico e o fone de ouvido, so fauta uma interface de aúdio, agora um par de caixas de monitor,um pedestal pro mic,um pop filter,e ja eras o resto é de menos kspkspsa obrigado pela dica me ajudou muito abraço

    ResponderExcluir